MEU PROGRESSO DESDE 12 /01/2010

quinta-feira, 22 de abril de 2010

Amo vocês!

Hoje as aulas acabaram mais cedo e fiquei sozinha aqui na diração, então resolvi que hoje seria o dia de passear por todos os blogs das borboletas e deixar um recadinho e foi o que eu fiz, ou melhor, tentei, mas infelizmente não consigo postar para algumas de vocês, não sei por que. Aí eu fico muito preocupada, com medo de que pensem que eu não me importo, mas me importo sim e muito, por exemplo, não consigo postar para Rinele e agradecer pela força que me deu. Quem puder, diz isso a ela para mim, pois ela não tem deixado mais recados e não sei se está lendo meus posts, obrigada.

O EMAGRECIMENTO é...

uma coisa indescritível e engraçada porque você volta a ser gorda como já foi e era infeliz, mas sente uma felicidade tão grande como se fosse a magra que nunca foi. Entendem?
Uso algumas roupas que tinha guardado e me sinto uma miss, me maqueio, arrumo o cabelo (tentendo segurar os fios que insistem em cair) coloco um salto, coisa que há muito não fazia e saio feliz da vida. Daí eu lembro de quando comprei aquela roupa: apertada, desarrumada, sem charme que me fazia chorar na loja, só levava para casa porque ou era ela ou nada. Eu achava que depois de emagrecer jogaria todas fora, mesmo novas como estão, mas algumas se salvaram porque não tenho mais aquela sensação e até elas ficam mais bonitas quando o corpo está mais bonito. Infelizmente abandonei algumas, coitadas, e mandei que fossem para bem longe da minha visão. A cada roupa menor que vou usando, a felicidade vai aumentando.
Não vou mentir, tenho comprado muuuuuuito, minha sorte é que sou controlada com as finanças, mas sempre que posso dar um pulo nas lojas, volto com as mãos cheias de sacolas, até meu filho percebeu e comentou outro dia "Eh mãe, todo dia tu sai com uma roupa diferente hem? Antes só usava aquelas."
Ele se referia a alguns vestidos que eu tinha, feitos pela minha irmã, sob medida. Minha irmã é uma costureira de mão cheia, mas só costura em ocasiões especiais e para algumas pessoas. Ela já não aguentava mais me ver chorar e começou a fazer vestidos para mim, os quais eu recusei no início porque me sentia um botijão com capa, mas tive de ceder depois de um tempo e aceitar, a outra opção era ficar nua, chorar em lojas já não dava mais. Mas, graças a Deus, esse tempo já passou e O SENHOR permita que não volte mais.

Agora preciso ir, mas com muita saudade.
Mil beijos!!!

6 comentários:

Ingrith disse...

E eu não conhecia aqui... pensa! Mas agora já estou seguindo!!! E logo vc estará bem melhor que eu!!! Confia!

Fabiola Neves disse...

Gata,
Que bom que está se sentindo linda!!! E é isso mesmo! Agora que emagrecemos, ainda somos as obesas que éramos quando começamos esse processo adolescente de querer emagrecer e nos empanturrávamos de remédios pra ficar mais magra, o que desencadeou todo o processo, mas agora, mais conscientes, estamos lindas!!!!

Grazi disse...

Que maravilha voltar a fazer as pazes com o espelho, com a balança e principalmente para a mulher linda que somos.. isto é o milagre que a cirurgia nos trás e também lógico o milagre que Deus põem nas mãos dos nossos cirurgiões... estou muito feliz que vc esteja assim, e deixou de lado aquela mulher triste que estava depressiva... aproveite cada momento.. e lógico registre todas as fases dos seu emagrecimento, pois ele passa que nem vemos... eu ainda tenho muito para caminhar, pelo meu desejo interior, por isto preciso urgetemente me matricular numa academia e acelerar o processo de emagrecimento, pois a cada dia que passa acho que o relógio do tempo tá passando...Fico feliz qdo vejo seus recados e seu post no seu blog. Beijocas amiga.. e como diz a Fabi.. Força na Peruca...

Rinele disse...

Ai amiga.,..... que coisa boa, é chega na loja e conseguir compra o que se gosta não o que se cabe...kkk... sei bem o que é isso... é uma sentimento indescritivel............ conselho......... não compre muito pois com uma mes, vc perderá tudinho....... menina... me ferrei aqui, me empolguei, comprei comprei........ agora to com um monte de roupas novas tudo perdida,.,,, agora compro uma peca por mês...kkk..... sai do 54 pro 44/42.... afff que felicidade...... bjs ...

claudia disse...

Alegrias que não tem preço...só quem já foi sabe como é. Beijinho

Priscila Bittancourt disse...

eitah amiiiiiiiiiiiiga que FELICIDADE!!
PARABÉNS..sucesso heim..
Beijinhuss!!!